Casamento na Itália: saiba como tornar isso realidade

Atualizado em 13/02/2018

Já imaginou poder ter o seu casamento na Itália?! 

Acha que isso é muito difícil ou mega caro?!

Não, não, não; a coisa é mais fácil e barata do que parece e quem vai nos contar tudinho sobre isso é a blogueira de viagem Natalia Gastão do Ziga da Zuca que, apesar de morar no Brasil, escolheu junto com o seu noivo se casar em Florença, em plena Toscana.

Aproveite as dicas que ela nos deu e quem sabe você também não embarque nessa viagem?!

Casamento em Florença

1. Por que escolheram Florença para realizar o casamento?

Quem escolheu foi o Tales, ele queria casar fora do Brasil e foi logo sugerindo Florença, que ele já conhecia e havia gostado muito. No início fiquei em dúvidas, mas quando os meus pais toparam (não conseguiria me casar sem eles por perto), fiquei animadíssima!

2. Os papéis do casamento correram no Brasil ou na Itália? Como foi o processo?

Os papéis correram aqui. Eu tive que ir na Igreja (mais próxima da minha casa, mas também poderia ser próxima a casa do noivo), exatamente como se faz aqui, dizer a data e local do casamento, então o processo é o mesmo: correm os proclamas, fazer curso de noivos, entrevista com o padre, tudo como manda o figurino! Depois disso, os papéis seguem para a Arquidiocese, onde é emitido um instrumento canônico e o mesmo é enviado para a Arquidiocese de Florença.

lua de mel na Itália

3. O casamento foi só no religioso ou foi no civil também?

Na Itália foi só o religioso, o civil foi no Brasil mesmo, pois casando no exterior seria preciso validar o casamento aqui, aquela burocracia toda. Outro fator importante, é que para que os papéis corressem no religioso, eu precisava levar a minha certidão de casamento civil, fato que antecipou em 1 mês o casamento civil.

4. Você teve ajuda de alguém na Itália para organizar as coisas por lá? Se sim, recomenda o serviço?

Tive sim, a Bárbara do blog Brasil na Itália, que é uma amiga de longa data, me indicou uma excelente (com letras maiúsculas) cerimonialista que resolveu tudinho para mim, do buquê ao almoço! O nome dela é Simona Cappitelli e recomendo sem pestanejar!

5. Qual foi a igreja escolhida? Por quê essa?

A Igreja escolhida foi Chiesa dell’Oratorio dei Padre Filippini. Quem escolheu foi a minha cerimonialista, pois ela conhecia o Pároco, e ele, por sua vez, topou realizar o casamento de estrangeiros. Só para constar, não é proibido realizar casamento de estrangeiros, mas o Pároco tem autonomia para querer celebrar ou não. Então, ela foi direto numa igreja que ela conhecia, que, além de tudo, ainda uniu beleza e ótima localização.

6. Vocês fizeram festa? Como foi?

Fizemos uma recepção, num hotel próximo a Igreja, foi um coquetel seguido de um almoço. Tudo simples e bem italiano – muita comida gostosa e muito vinho -, mas de extremo bom gosto. Foi algo muito íntimo e agradável. Perfeito para nós, que queríamos uma coisa pequena!

festa de casamento na Itália

7. Com quanto tempo de antecedência chegou na cidade para finalizar os preparativos?

Cheguei em Florença com apenas 3 dias de antecedência, o suficiente para eu conhecer e conversar com o padre e fazer os testes de cabelo e maquiagem. Não fui uma noiva neurótica, queria passear por Florença com os amigos que estavam chegando, não queria saber de ver salão de almoço ou Igreja. Ou seja, confiei muito na Simona, nem a comida eu provei antes do dia (hehehe).

8. E os convidados, como os convenceram a embarcarem nessa aventura com vocês? Foi muita gente do Brasil?

Foi engraçado, pois inicialmente os amigos me xingaram, depois foram amadurecendo a ideia… E então, aos poucos eles foram se animando! No final eu tive até pajem e daminha (graças aos meus compadres e agora padrinhos)!!! Ao todo foram 25 convidados, 20 deles saíram do Brasil.

roteiro Itália

9. Qual foi o seu maior temor durante o processo de planejamento?

Que os papéis não corressem em tempo ou que faltasse algo, relacionado a documentos, em cima da hora. Pois o resto eu sabia que se ajeitava, os documentos é que complicam!

10. Financeiramente falando, em relação ao Brasil, é mais caro ou barato casar na Itália?

Sem dúvidas ou meu casamento na Itália saiu muito mais barato do que seria o meu casamento aqui, pelo simples fato de que a quantidade de pessoas, provavelmente seria multiplicada por pelo menos 8. Mas se eu não contar com a recepção e o bufê, os preços da Igreja, da cerimonialista, da fotógrafa e do cinegrafista, por exemplo, saíram mais em conta sim. Porém, eu fiz questão de dizer para a Simona, que queria algo barato, então ela entrou no clima e me ajudou a fazer algo bonito, elegante e econômico!

Como casar na Itália

Não é uma história de sonho?!

Geralmente, muita gente planeja ter uma lua de mel na Itália, mas a Natalia e o Tales foram bem além, e da melhor forma possível! Felicidades aos noivos!

E você, gostou das dicas de como se casar na Itália?! Viu como a coisa não é tão complexa quanto parece?!

Se quiser ler  mais sobre essa experiência, confira no blog desta linda noiva, além de poder descobrir muitas dicas de vários destinos bacanas que este casal já desbravou, como a Rússia e a África do Sul.

E aqui você encontra um índice de todos os posts sobre a Itália, pra facilitar a sua vida.

Boa viagem!

----------------------------------------------------------------

Se você estiver de viagem marcada, não se esqueça jamais de seu Seguro Viagem. Lembre-se de que o seguro viagem para a Europa é obrigatório. Mas, mesmo viajando para países onde o seguro não é obrigatório, nós recomendamos fortemente que você o faça, já que o sistema de saúde em alguns lugares é caríssimo. Então, não embarque sem um ótimo seguro viagem para os Estados Unidos, por exemplo. É aquilo: um seguro é algo que compramos pensando em NÃO usar, né? Mas, se precisar, ele vai te amparar. Nós já utilizamos algumas vezes (em extravio de bagagem e para consultas médicas) e podemos afirmar: é essencial! Faça uma cotação aqui e encontre o seguro viagem mais barato e com o melhor custo-benefício pra você. O link é de uma empresa parceira do blog. Nós recebemos uma porcentagem, mas você não paga nada a mais por isso. Aliás, você paga a menos: leitores do blog têm 5% de desconto! Basta inserir este código promocional na hora de fechar o pagamento: TURISTAPRO5.

🛏 Pesquisando por hotel?! Então, dê uma olhada no Booking.com! Você não paga nada pela reserva, cancela e altera quando quiser e ainda consegue os melhores preços.

 

PLANEJE SUA VIAGEM CONOSCO: 

reserve seu hotelchios de internet
Seguro viagem
ingressos e passeiospassagens aéreas mais baratas

17 COMENTÁRIOS

  1. Ola! Eu casarei no civil aqui no Brasil e vou me casar em Israel no religioso. Alguém aqui casou em Israel?

  2. Olá! Você poderia passar o contato da pessoa que prestou assessoria para você? Também quero me casar em Florença mas estou bem perdida.

    Obrigada

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here