Por: Turista Profissional - Atualizado em 04/08/2019

Ganhamos da KLM um excelente presente de Natal neste fim de 2015: participar do voo inaugural entre Rio de Janeiro e Amsterdam na sua aeronave mais moderna, o Boeing 787-9 Dreamliner.

Se você não sabe o que isso significa, vamos te contar abaixo as vantagens e confortos que se podem encontrar nesse novo avião.

É bom ficar de olho nestes voos quando quiser ir para a Europa, pois é uma forma maravilhosa de chegar ao Velho Continente.

=> Economia: Seguro viagem Holanda (com desconto)

Dreamliner da KLM

KLM - Como é voar no Boeing 787-9 Dreamliner da KLM
Boeing 787-9 Dreamliner

O nosso destino final foi Lisboa, mas como a nossa conexão em Amsterdam (hub da empresa) foi longa, aproveitamos para dar um passeio pela cidade, que é linda e vale a pena, mesmo que por poucas horas.

Até temos aqui no blog um post de como aproveitar um conexão em Amsterdam e outro com dicas de como ir do aeroporto até o centro da cidade. Afinal, sempre que voamos com a KLM, ainda que Amsterdam não seja o nosso destino, aproveitamos para dar uma voltinha pela cidade, que adoramos.

Leia também: O que fazer em Amsterdam

Dreamliner - Como é voar no Boeing 787-9 Dreamliner da KLMImagem de divulgação

Uma dica bacana, então, é que mesmo que Amsterdam não seja o seu destino na Europa, a KLM oferece o stopover grátis, ou seja: você pode parar uns dias na ida e/ou na volta e conhecer a cidade. Desta maneira, com uma única passagem, você pode conhecer 2 lugares! 😉

Voltando ao voo inaugural do Boeing 787-9 Dreamliner: voamos na Classe Executiva! Preciso dizer que a viagem foi uma maravilha?

classe executiva klm - Como é voar no Boeing 787-9 Dreamliner da KLMImagem de divulgação

Antes do embarque aproveitamos para conhecer a Lounge Vip no aeroporto Galeão. Como passageiro da Classe Executiva na KLM você tem acesso à Sala VIP.

A sala é confortável, com três ambientes, você é colocado bem à vontade. Pode servir-se de uma sopinha, quiche, pão de queijo, porções de massas, sobremesas em geral, bebidas, água, refrigerantes, sucos, tudo muito à vontade. Lá tomamos champanhe, café e comemos uma salada de frutas, ainda que houvesse uma variedade de outras opções de comidas e bebidas. Atendimento impecável!

sala vip - Como é voar no Boeing 787-9 Dreamliner da KLM

Depois, finalmente entramos e conhecemos a aeronave.

A primeira coisa que reparei é que a configuração das poltronas é de 1-2-1, ou seja, todas elas tem acesso direto ao corredor, mas mantendo a privacidade dos passageiros.

como é voar na classe executiva - Como é voar no Boeing 787-9 Dreamliner da KLM

As poltronas são full-flat, ou seja, viram cama. Você chega no destino novinho em folha, como se tivesse dormido em casa!

O menu servido é de primeira. Nós tínhamos 3 opções, mas eu fiquei com a sopa cremosa de abóbora com gengibre (entrada), frango assado acompanhado de risoto de codorna, com ervas finas e cenouras baby glaciadas (prato principal) e, de sobremesa, fui de bolo de mandioca com doce de leite. E o café da manhã também estava divino, tudo servido em conjunto de louça exclusiva, criada pelo designer holandês Marcel Wanders.

roteiros de viagem - Como é voar no Boeing 787-9 Dreamliner da KLM

comida da classe executiva - Como é voar no Boeing 787-9 Dreamliner da KLM

E, além da linda necessaire com um kit de amenidades elaborados pelos famosos estilistas Viktor & Rolf que ganhamos logo no embarque, no final do voo ainda deram aos passageiros da executiva uma casinha de porcelana de Delft. O souvenir da Holanda já está garantido! 🙂

Turista Profissional - Como é voar no Boeing 787-9 Dreamliner da KLM

Durante o voo, outras coisas que reparei é que a aeronave é bem mais silenciosa que as demais e as janelas, mesmo na classe econômica, são maiores e ainda têm a entrada de luz ajustável ao simples toque de um botão. Uma inovação e tanto!

Além disso, há carregador de celular, entrada USB individual e, para a felicidade geral da nação, wifi a bordo!

dicas de viagem - Como é voar no Boeing 787-9 Dreamliner da KLM

Mas, mesmo que você não voe de Classe Executiva, a Economy Comfort é uma categoria super espaçosa e confortável. E fato é que até na classe econômica, no caso do Dreamliner, as poltronas reclinam 40% a mais do que em outras aeronaves, o que faz toda a diferença em se tratando de um voo de tantas horas.

A nossa experiência voando Dreamliner, portanto, não poderia ter sido melhor!

Difícil vai ser voar em outro tipo de avião, pois, atualmente, somente a KLM opera essa aeronave em voos de/para o Brasil. Então, se você quiser conforto garantido, a empresa será a sua melhor opção para a Europa (ou outros destinos, como Ásia, por exemplo).

Boa viagem!

O Blog Turista Profissional voou a convite da KLM

-----------------------------------------------------------------------------------------

Se você estiver de viagem marcada, não esqueça jamais de seu Seguro Viagem. Lembre-se que é o seguro viagem para a Europa é obrigatório. Mas, mesmo para os países que não são obrigatórios, como os EUA, nós recomendamos fortemente que você faça, já que o sistema de saúde lá é caríssimo. Então, não embarque sem um ótimo seguro viagem para os Estados Unidos. É aquilo: um seguro é algo que compramos pensando em NÃO usar, né? Mas, se precisar, ele vai te amparar. Nós já utilizamos algumas vezes (em extravio de bagagem e para consultas médicas) e podemos afirmar: é essencial! Faça uma cotação aqui e encontre o seguro viagem mais barato e com o melhor custo x benefício pra você. O link é de uma empresa parceira do blog. Nós recebemos uma porcentagem, mas você não paga nada a mais por isso. Aliás, você paga a menos: leitor do blog tem até 16% de desconto. Basta inserir este código promocional na hora de fechar o pagamento: TURISTAPROFISSIONAL.

Pesquisando hotel?! Então, dê uma olhada no Booking.com! Você não paga nada pela reserva, cancela e altera quando quiser e ainda consegue os melhores preços.

Autor
Turista Profissional
Este texto foi escrito por mais de um ou mais membros da equipe do Turista Profissional, com supervisão e edição final de Ana Catarina Portugal e Declev Reynier.
Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *