Home / Canadá / 12 dicas de Toronto para quem vai a primeira vez

12 dicas de Toronto para quem vai a primeira vez

Nós escrevemos este post com dicas de Toronto para quem vai a primeira vez porque, se você está pensando em visitar o Canadá, deve estar se perguntando “pra onde ir”, certo?

Afinal, o país é imenso e todas as regiões são lindas.

É realmente um país impressionante. Então, para te ajudar a decidir se vale a pena ou não – é claro que vale!! – visitar Toronto, aqui vão algumas dicas da cidade e do que fazer por lá.

Dicas de Toronto para quem vai a primeira vez

1. Como chegar em Toronto?

Para quem sai do Brasil, a Air Canada e a Latam têm voos diretos a partir de São Paulo e Rio de Janeiro. No mais, outras empresas também poderão ser uma opção, mas sempre com uma conexão antes, que pode ser em alguma cidade dos EUA – se a companhia for americana – ou no Panamá, caso a opção seja a Copa Airlines, por exemplo.

2. Como ir do aeroporto até o centro de Toronto?

Para começo de conversa é preciso saber que Toronto tem 2 aeroportos, mas os que recebem os voos internacionais de longa distância, como os que chegam do Brasil, é o Toronto Pearson International Airport. Uma vez lá, você pode chegar à região central da cidade de:

  • Táxi – é a maneira mais rápida e em média custa entre C$65 a C$75, mas ao valor final deve se acrescentar uma gorjeta de 10% a 15%.
  • UP Express (trem de superfície) – em 25 minutos e por C$ 12 este trem te deixa na Union Station (que é a estação central de Toronto) e no caminho ele faz apenas duas outras paradas, uma na estação Weston e outra na Bloor/Dundas. Se for descer em algumas destas, os valores mudam e são respectivamente C$ 5.30 e C$ 2.65 o trecho.
  • Ônibus – nos terminais 1 e 3 passa o ônibus 192 que te deixará na estação Kipling do metrô (linha verde) e de lá você continua no sentido Kennedy até a estação que for melhor no seu caso. Custo de C$3,25 válido para ônibus+metrô e o valor será pago ao motorista (atenção, ele não dá troco!).

3. Qual a melhor época do ano para se visitar Toronto?

Como todo o Canadá, o inverno em Toronto pode ser bem frio. As temperaturas podem ser negativas e com muita neve. Nós já fomos em dezembro – já inverno, mas não tão rigoroso – e estava frio, mas sem neve. A cidade, obviamente, tem uma aura diferente, com rinques de patinação, todo mundo encasacado e atrações específicas, como os Mercados de Natal.

Mas ela é super equipada para o frio, com as temperaturas internas controladas e um ótimo sistema de passagens subterrâneas (o PATH). O inverno vai de dezembro a março.

dicas de toronto

E também já fomos no verão. Para quem não gosta de frio, claro, fuja do inverno. A cidade é mais colorida, céu azul, as pessoas estão de shorts e camisetas, há diversos eventos acontecendo nas praças e piqueniques nos gramados. Enfim, é uma cidade totalmente diferente. O verão vai de junho a setembro.

o que fazer em toronto

Como vê, nós já estivemos na cidade nas duas épocas e ambas são interessantes; mas vá sabendo “em qual cidade” você quer passear, pois as duas épocas são bastante diferentes.

4. Qual a média de temperatura por lá?

Em Toronto isso pode ir “de 8 a 80” rsrs. Como já dissemos, o inverno pode ser bem rigoroso, com temperaturas negativas e muita neve (nós gostamos bastante 🙂 ) e o verão pode ser bem quente, chegando perto dos 40º.

o que ver em torontoUm chocolate quente com marshmallow vai bem no inverno…

Abaixo, vai um gráfico de médias de temperaturas ao longo do ano, mas, claro, o clima está sempre mudando, de modo que o indicado é verificar a previsão local mais perto da sua viagem para Toronto.

clima em toronto

5. Quanto tempo é necessário para conhecer a cidade?

Claro que isso depende muito do seu foco turístico, mas eu diria que você deve tentar reservar ao menos 2 dias inteiros. Mas se puder ter 3 ou 4, ainda melhor, porque a cidade oferece bastante coisa para fazer e assim dá pra conhecer as principais atrações.

6. Quais são as principais atrações turísticas de Toronto?

A cidade fervilha de coisas pra fazer, tanto para os moradores, quanto para os turistas. Os próprios bairros são atrações turísticas, onde você pode caminhar e ver coisas novas a cada esquina. A lista abaixo não esgota, mas dá uma ideia do que fazer inicialmente:

  • CN Tower
  • Prefeitura velha (Old City Hall) / Prefeitura nova (onde tem o símbolo da cidade)
  • Casa Loma
  • Distillery Historic District
  • Sistema subterrâneo PATH

atrações de totontoCasa Loma

dundas square torontoUm pedaço da Dundas Square, a ‘Time Square’ de Toronto…

Esta é uma lista arbitrária, escolhida por nós, mas tem muito mais coisas a se fazer. Como dissemos, os próprios bairros são atrações, como  Chinatown, Yorkville, Queens, etc., assim como diversos centros comerciais, como o Toronto Eaton Centre e o Hudson’s Bay. A lista é infinita…

7. Quais os melhores passeios a se fazer para lugares próximos?

O passeio bate e volta mais clássico para quem está em Toronto é conhocer Niagara Falls, que fica a cerca de 1:30h de viagem e dá para visitar tranquilamente em um dia.

cataratas do niágaraUm pedaço das Cataratas do Niágara

Mas outro passeio que vale muito a pena, em especial se você estiver de carro, é a linda Niagara-on-the-Lake, que fica à beira do lago Ontario e é uma região de vinícolas onde é produzido o famoso Ice Wine.

toronto dicasO pessoal aproveitando a tarde de sol em Niagara-on-the-Lake

Já para quem gosta de montanhas e de esqui (se for no inverno), a dica é visitar Blue Montains, que fica a 2 horas de carro. Mesmo que você vá em outra época, toda a região em torno dessa pequena vila é bem charmosa. Quem tem vários posts com dicas desse passeio é a Gaby, que mora em Toronto e tem o ótimo blog “Gaby no Canadá“.

E, inspirados pelas dicas da Gaby, alguns lugares que visitamos e gostamos bastante foram umas cidades bem pequenas numa região mais rural: St Jacobs, Elora e Fergus.

São lugares charmosinhos, longe da rota turística tradicional. Elas ficam a pouco mais de 1:20h de Toronto e, como são pequenas e próximas umas das outras, visitam-se tranquilamente em um dia.

amish canadáMennonites em seu meio de transporte

É Em St Jacobs que encontramos os Mennonites, aquelas pessoas que, assim como os Amishs, vivem como se estivessem no século XVIII ou XIX.

arredores de torontoO famoso mercado dos fazendeiros de St. Jcobs, onde os meninotes também costumam vender seus produtos

8. Como se locomover pela cidade e quanto custa o transporte urbano?

Toronto é uma cidade basicamente plana e que convida para longas caminhadas, o que, pra gente, é a melhor maneira de conhecer qualquer lugar. Mas, claro, tem horas que usar o transporte público é necessário.

No caso de Toronto, além de táxi ou Uber (usamos muito), você poderá usar metrô, ônibus ou bonde (streetcar), e, nesse caso, uma boa opção é comprar o Metropass, que serve para usar nos três. O Day Pass, para uso ilimitado durante um dia, custa C$ 12, por exemplo. Já uma passagem individual custa C$ 3,25, então, faça as contas para saber o que será mais vantajoso para você.

como chegar toronto

No nosso caso, como estávamos em 3 pessoas, 90% das vezes chamar um Uber saía bem mais barato, além de ser mais prático e rápido.

Para saber mais sobre transportes na cidade, leia as dicas da Mirella, que tem um post super completo sobre o assunto:

9. Onde se hospedar em Toronto?

Quanto procuramos hospedagem em qualquer grande cidade, em especial quando vamos pela primeira vez, sempre tenta,ps encontrar algum lugar que seja fartamente servido de transporte e, de preferência, perto das atrações mais importantes, de modo que possamos fazer boa parte das visitas a pé.

Pensando nisso, em Toronto o melhor lugar para se hospedar talvez seja a região central, em especial a que fica nos arredores da Yonge/Dundas Square. Ali você tem uma grande quantidade de ofertas de hotéis e para todos os preços.

Mas claro que isso não é fixo e, se encontrar algo bacana, por exemplo, na região chamada Entertainment District, pertinho da CN Tower, também pode ser uma boa pedida.

o que fazer em toronto

E para quem está com um orçamento maior, uma das regiões mais bonitas e chiques da cidade é Yorkville (em torno da estação de metrô Bloor), em especial no cruzamento das ruas Avenue e Bloor.

Na primeira vez que estivemos na cidade ficamos hospedados no Trump Hotel, bem pertinho da prefeitura (temos um post completo sobre ele aqui no blog) e, na segunda vez, no Studio 6, em Chinatown, que era um mini apartamento numa região mais residencial

hotel em torontoMini-apartamento do Studio 6

10. Toronto com criança é uma boa pedida?

Sem problemas! Toronto é a cidade mais cosmopolita do mundo, aceita todos, inclusive as crianças 🙂

São diversas atrações para a garotada em todas as estações do ano:

  • a cidade tem parques com enormes gramados;
  • tem a Toronto Island, que é um passeio imperdível com crianças, onde se pode alugar bicicletas, pedalinhos, tem parque de diversões…
  • tem o Ripley’s Aquarium, que é diversão garantida;
  • os Mercados de Natal são ótimos para crianças, especialmente o Toronto Christmas Market, na Distillery Historic District, com barraquinhas, Papai Noel, parque de diversões.
  • no inverno tem áreas para patinação e a cidade é super enfeitada.

toronto com crianças

No mais, a cidade é amigável a andar de carrinho e bem acessível, com calçadas amplas, rampas, elevadores e banheiros especiais.

toronto com bebê

Porém, uma coisa estranha é que às vezes uma atração tem elevador, mas SÓ pra cadeirantes… não deixam usar com carrinho de bebês. Aconteceu com a gente, por exemplo, na Casa Loma, mas também em outras cidades do Canadá.

11. Onde é bom para fazer compras em Toronto?

Como Toronto é uma cidade que tem gente de praticamente TODO o mundo e, portanto, cheio de boas oportunidades de compras. Há diversos grandes centros comerciais, como o Toronto Eaton Centre e a Hudson’s Bay (a maior do Canadá fica em Toronto).

compras em torontoFamosa instalação Fligth Stop, do artista Michael Snow, na entrada do Toronto Eaton Centre

Além disso, há bairros que concentram diversas lojas de grifes locais, com design e materiais da própria região, como em Yorkville e também bairros com lojas diferentes e estilosas, como o Chinatown. E, perto deste bairro, tem a Queens Street, a rua principal de compras da cidade, com lojas super descoladas.

Se você for no inverno, não perca as oportunidades de compras nos Mercados de Natal.

12. Se eu tiver apenas 1 dia, qual o melhor roteiro em Toronto?

Realmente, a cidade precisa de ao menos 2 dias inteiros, mas se você só tem 1, então, eu acho que pode concentrar sua visita na região central da cidade, onde poderá visitar a CN Tower, dar uma volta no PATH (a cidade subterrânea), conhecer o Saint Lawrence Market (onde não se pode deixar de experimentar o Canadian Peameal Sandwich), ver as prefeituras (a Velha e a Nova) e, para fechar o dia, ir até a Yonge-Dundas Square (a Times Square de Toronto, tomadas as devidas proporções, rsrs). Tendo tempo, dê uma voltinha pela Queen St W, uma das principais ruas da cidade.

roteiro de 1 dia em Toronto mapa

Como todo este roteiro pode – e deve – ser feito a pé, você passará por toda região de Downtown, pelo Waterfront e, se quiser muito visitar um dos museus da cidade, o mais próximo dessa região é o AGO (de arte).

Se estiver na cidade durante o inverno, talvez caminhar tanto ao ar livre possa ser meio puxado, então, use e abuse do PATH, quando der, ou do transporte público.

roteiro de torontoNo seu caminho, não deixe de reparar os fundos do Goorderham Building, perto do St. Lawrence Market

No caminho entre as atrações sugeridas, você passará pelo Ripley’s Aquarium, Roger’s Center, Steam Whistle Bewing, Air Canada Center, Hockey Hall of FameGooderham Building, entre outros lugares.

turista profissionalNós no símbolo da cidade, em frente à prefeitura nova.

Então, ficou com vontade? Nós já estamos com vontade de voltar!!

Quando for, não deixe de ver todas as dicas de Toronto e as dicas do Canadá que já escrevemos por aqui. Fique de olho que vem mais!

E, se você gosta do Instagram, curta o nosso perfil, cheio de novidades e dicas diárias:@TuristaProf.

Boa viagem!

-------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Se você estiver de viagem marcada, não esqueça jamais de seu Seguro Viagem. Lembre-se que é obrigatório para a Europa. Mas, mesmo para os países que não são obrigatórios, como os EUA, nós recomendamos fortemente que você faça, já que o sistema de saúde lá é caríssimo. É aquilo: um seguro é algo que compramos pensando em NÃO usar, né? Mas, se precisar, ele vai te amparar. Nós já utilizamos algumas vezes (em extravio de bagagem e para consultas médicas) e podemos afirmar: é essencial! Faça uma cotação aqui e ache o mais barato e o melhor pra você. O link é de uma empresa parceira do blog. Nós recebemos uma porcentagem, mas você não paga nada a mais por isso. Aliás, você paga a menos: leitores do blog têm 5% de desconto! Basta inserir este código promocional na hora de fechar o pagamento: TURISTAPRO5.

Pesquisando hotel?! Então, dê uma olhada no Booking.com! Você não paga nada pela reserva, cancela e altera quando quiser e ainda consegue os melhores preços.

Booking.com

PLANEJE SUA VIAGEM CONOSCO:

                         

Sobre Ana e Declev

Este é o casal 20 do Turista Profissional, fundadores e responsáveis por tudo o que você lê por aqui! O texto foi escrito conjuntamente.

Leia também

Mahone Bay, Nova Scotia

9 cidades pequenas no Canadá que você precisa conhecer!

Você quer viajar, mas ainda não sabe para onde ir? O Canadá é um país …

5 Comentários

  1. Eu amo Toronto e me apaixono novamente pela cidade cada vez que leio alguém escrever e dar dicas sobre ela 🙂
    Passando para agradecer o link 🙂

    bjos,
    Mi

    • Ana Catarina Portugal

      Nós que agradecemos, pois suas dicas foram fundamentais, 🙂 Beijos

  2. Luana

    Compramos passagens para o mês de abril para ir a Toronto, mas agora estou triste pq tenho lido q abril é o pior mês para visitar a cidade, dizendo q o tempo é ruim, nublado… isso procede?

    • Ana Catarina Portugal

      Luana, em relação a clima não tem regra nenhuma. Abril, em tese é menos frio e melhor para fazer visitas (na minha opinião)! Boa viagem!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *