Primeiros passos: estudar francês na França

Este post foi escrito pela minha querida amiga Renata Inforzato, jornalista e dona do blog Direto de Paris, que mora a 2 anos em Paris. Abaixo, ela descreve um passo a passo minuncioso de todo o processo para conseguir a documentação para estudar francês na França. Aproveitem as dicas!

“Vir estudar na França sempre foi um sonho para mim. Mas, por causa do trabalho ou até mesmo – confesso – da preguiça em correr atrás de informações, acabei adiando o projeto.  Até que, depois de começar um curso de francês em São Paulo, voltei a pensar no assunto e planejar. Inicialmente, vim para estudar quatro meses a língua de Molière, mas gostei da experiência e fui ficando. E lá se vão dois anos, recém-completados agora em maio.

Enfim, não digo que foi difícil o caminho até obter o meu visto de estudante, mas, sim, trabalhoso. Na época, recorri ao bom e velho Orkut, mas muitas coisas tive que descobrir sozinha.  Aqui  falarei sobre como foi o meu processo, lembrando que em dois anos algumas coisas mudaram, então, sempre é bom verificar, perguntar, antes de iniciar qualquer etapa desse passo a passo.

Em primeiro lugar, para ficar e estudar por até três meses na Europa não precisa de visto. Mas se você pensa em ficar mais tempo do que isso, aí sim vai precisar tirar um. No caso da França e do visto de estudante, todo o processo é feito pelo Campus France, uma agência do governo francês que responsável pela promoção dos estudos na França. O site  do CF (Campus France) é bem completo. Nele você encontra desde a lista de escolas de francês e faculdades, até a de bolsas de estudos que você pode pedir. A agência está presente em todos os países, o endereço no Brasil fica em São Paulo.

estudar francês na França

Então, o primeiro passo é consultar o site, principalmente a seção “Dicas antes de começar”, e criar sua conta. Leia tudo com atenção e se tiver dúvidas, não hesite em mandar emails. Eles respondem rápido e são atenciosos. O legal é que no site do CF tem uma barra das etapas e, conforme você vai realizando cada uma delas, a etapa fica verde.

O processo de candidatura possui cinco etapas. Não tem jeito, para vir estudar aqui tem que passar por elas. Mas garanto: não é nenhum bicho de sete cabeças. Vamos a elas:

1) Cadastro online no Campus France Brasil.

Essa é a etapa básica de qualquer site, né? A partir daí você vai ter um espaço pessoal e nesse espaço uma caixa de mensagens. Fique de olho, pois é através dela que você vai receber as orientações. É aconselhável começar a candidatura no mínimo 2 meses antes de viajar.

2) Preenchimento do formulário online CampusFrance.

Essa é a etapa mais chatinha, na minha opinião. O formulário é minucioso e há vários deles. O site disponibiliza também guias para ajudar no preenchimento.  No meu caso era para estudar francês, portanto, não sei como se faz para se candidatar para faculdade.

Aí vai uma dica muito importante: antes de qualquer coisa, é preciso consultar a lista de escolas que a agência recomenda e entrar em contato com uma delas. Isso porque o Campus France pede um comprovante de que você vai estudar naquela escola.

Na minha época, bastava falar com a escola, pagar uma pré-inscrição e um documento dizendo que você estava matriculado por UM ANO era enviado ao seu email e por correio. Agora isso mudou. Em primeiro lugar, a escola em que estudei, que é muito barata, não faz mais parte da lista de escolas recomendadas, ou seja, nem adianta pedir visto através dela. Segundo, as escolas que estão na lista não emitem mais o papel de pré-inscrição. Isso quer dizer que agora você tem que pagar o curso todo e a escola emite o papel de acordo com o tempo que você pagou. Ou seja, se você quiser papel para um ano, terá que pagar por um ano. Desconfio que elas sacaram o velho golpe: pagar a pré-inscrição na escola mais cara e quando chegar aqui, estudar na mais barata…

Então, se você já entrou em contato com a escola e já pagou o seu curso, você vai preencher o formulário. No caso de escolas de francês, você vai consultar o “guia para estudantes já inscritos com entrevista” (lembre-se que você já pagou o curso, então, tem o papel da escola). Essa parte da entrevista vou explicar depois.

SEGURO VIAGEM COM ATÉ 10% DE DESCONTO

Não esqueça de fazer um bom Seguro Viagem, afinal, você não vai querer ficar desprotegido longe de casa, né?! Clique aqui para encontrar os melhores preços, pague em até 12 vezes no cartão ou com 5% de desconto no boleto. Use o cupom TURISTAPRO5 e ganhe mais 5%


Clique em “Crie seu dossiê eletrônico”, preencha os campos e clique em validar. Você vai receber um identificador, um número que começa com BR e que vai te acompanhar durante todo o processo. Depois, clique em formulário Campus France. Como é para estudar francês, pode preencher essa parte em português mesmo. Esse formulário é aconselhável completar aos poucos, revisando direitinho o que escreveu antes de validar cada parte dele.

3) Envio da documentação

Logo após validar todo o formulário, você já deve preparar a lista de documentos solicitados (aí entra o papel da escola). Envie sempre as cópias e não os originais. O endereço está no site. Quando eles receberem os documentos, a barra da terceira etapa ficará verde, com a data de recebimento.

4) Pagamento da taxa

Essa é a parte mais triste da história. Na minha época, paguei 300 reais. Agora é R$ 335,00. Mas sempre é bom ficar de olho para ver se não aumentou. Assim que eles validam seus documentos, você recebe uma mensagem com as orientações para pagar.  Uma coisa: você deve enviar o comprovante por email e validar o pagamento no site.

5) Agendamento da entrevista

Assim que eles validarem o seu pagamento, você recebe um email com as orientações para marcar a entrevista. Não se assuste! A entrevista é tranquila. Como morava em São Paulo, a minha foi realizada na sede da Aliança Francesa, mas ela pode ser realizada em 13 capitais, de acordo com o local de residência do candidato.

A conversa é simples. Como você está indo estudar francês, ela é feita em português. Você só tem que falar o motivo que você quer morar e estudar na França. É mais um bate papo. A professora que me entrevistou, a Chantal, era muito simpática e me deu altas dicas de turismo. Inclusive, foi ela quem me sugeriu ir a Provins, que hoje é um dos meus lugares preferidos aqui na região parisiense e sobre o qual até escrevi no meu blog.

roteiro-em-paris

Depois de realizada a entrevista, você recebe por email as orientações para dar entrada do visto no consulado francês. Aí já é outra história. Eles, do Campus France, explicam tudo no email.  No meu caso, fiz o agendamento online, fui pessoalmente com o passaporte, levei os mesmos documentos que enviei ao Campus France e acrescentei as justificativas financeiras. Ah, e paguei 50 euros. Na hora,eles tiram uma fotografia e colhem as impressões digitais. Se estiver tudo certo com os documentos, o prazo para ir buscar o passaporte com o visto é de 10 a 15 dias.

Aí é só alegria: respirar, fazer as malas e dizer: Au revoir, Brasil!”

Por Renata Inforzato

Não deixe de conferir todas as nossas dicas de Paris e dicas da Françae nem de verificar os ingressos e passeios que poderá comprar com desconto antes de embarcar para lá.

guia de ParisAproveite para conhecer também o nosso guia, o “Roteiro de 7 dias em Paris e arredores“,  que está cheio de dicas práticas e traz a sua viagem toda planejada dia-a-dia.

COMPRE SEU GUIA AQUI

Boa viagem!

-----------------------------------------------------------------------------------------------------

Se você estiver de viagem marcada, não esqueça jamais de seu Seguro Viagem. Lembre-se que é o seguro viagem para a Europa é obrigatório. Mas, mesmo para os países que não são obrigatórios, como os EUA, nós recomendamos fortemente que você faça, já que o sistema de saúde lá é caríssimo. Então, não embarque sem um ótimo seguro viagem para os Estados Unidos. É aquilo: um seguro é algo que compramos pensando em NÃO usar, né? Mas, se precisar, ele vai te amparar. Nós já utilizamos algumas vezes (em extravio de bagagem e para consultas médicas) e podemos afirmar: é essencial! Faça uma cotação aqui e encontre o seguro viagem mais barato e com o melhor custo x benefício pra você. O link é de uma empresa parceira do blog. Nós recebemos uma porcentagem, mas você não paga nada a mais por isso. Aliás, você paga a menos: leitores do blog têm 5% de desconto! Basta inserir este código promocional na hora de fechar o pagamento: TURISTAPRO5.

Pesquisando hotel?! Então, dê uma olhada no Booking.com! Você não paga nada pela reserva, cancela e altera quando quiser e ainda consegue os melhores preços.

Booking.com

PLANEJE SUA VIAGEM CONOSCO:                                                                               x

reserve seu hotel Seguro viagem chios de internetingressos e passeios guias de viagempassagens aéreas mais baratas Guia de viagem turista profissional

1 COMENTÁRIO

  1. Adorei suas dicas de “Estudar frances na França…” É uma idéia que venho amadurecendo, embora já esteja matriculada em um Curso, gostaria imensamente de passar algum tempo em Paris para estudar (vou este ano mas para fazer turismo). Acredito que o contato diário ajuda muuuuuuuuuuuuuiiiiiito.
    Merci

  2. Adorei as informações. Só uma dúvida, com o visto de estudante para um curso de francês de 1 ano eu posso trabalhar?

  3. Ola, nao falo frances mas gostaria de passar uns 4 meses na franca apredendo, voce tem uma dica de uma cidade que vale a pena? pensei em nao ir para Paris, mas nem sei por ondem comecar! tenho 30 anos

  4. Ei Renata! Tudo bem? Estou com dúvidas quanto ao tempo do visto. O curso de francês que pretendo fazer tem duração de 4 meses (10 de fevereiro a 6 de junho). O visto é concedido apenas para esses 4 meses exatos? Ou eles concedem 30 dias a mais para viajar? Não consigo descobrir essa informação!

  5. Oi Renata, não tinha visto sua pergunta. Mas fica a resposta para quem tiver dúvidas: esse tempo de estudo de 4 meses, eles dão o visto inferior a 6 meses. Depois que ele expira, você tem 1 mês para sair da França (e da Europa).

  6. Olá,
    Vou fazer um intercâmbio em Paris e já estou com todos os documentos para tirar o visto, só estou aguardando a validação de pagamento do CF. O meu intercâmbio tem duração de 5 meses, mas eu gostaria de ficar mais alguns meses para tentar prolongar os meus estudos lá. Como faço para conseguir um visto com duração superior ao período do meu curso? Você tem alguma dica?
    Obrigada!

  7. Bom dia Renata, excelente teu artigo, gostei muito, mas gostaria de ter mais detalhes de custos, alojamentos, transporte, refeição, etc… eu sei que isso vai de pessoa para pessoa, mas seria legal termos uma noção real de quanto precisariamos gastar enquanto estivessemos fazendo o curso em Paris, pergunto isso porque a maior parte das pessoas que sonha em aprimorar o francês estudando em Paris, por exemplo, fica temerosa com custos altíssimos, e isso muitas vezes aterroriza e muitas vezes frusta esse sonho, algumas até desistem desse sonho mesmo antes de saberem quanto custaria tal sonho. Eu sei que hoje em dia há possibilidade de ser “Au Pair”, o que tornaria tudo mais fácil e mais barato, mas te lembro que há duas situações que não podemos esquecer: 1) para ser “au pair” é necessário já ter uma boa noção do francês, o que geralmente não acontece para quem deseja aprender o francês, 2) há o limite de idade para se candidatar como “au pair”, e isso é uma pena. Bem, de forma suscinta digo: seria legal você publicar uma matéria dando diretrizes de quanto seria o valor real para se estudar francês em Paris, bem como de que forma se deveria planelhar uma planilha de custos, afinal, poucas pessoas tem o privilégio de ganhar uma bolsa, e mesmo com a bolsa, há planejamentos que não podem ser esquecidos como: acomodação, alimentação, transporte, saúde, passeios, material didático, etc, sem esquecer da tal “taxa reserva”, para o caso de algum custo indesejado. Conheço muita gente que sonham com esse curso em Paris, mas desistiu dele com medo de ser muito caro e não ter como pagá-lo, mesmo antes de se ter uma idéia de quanto precisaria ter em caixa para realizar esse sonho. E mais uma vez, adorei tua matéria, parabéns 😉

    • Julième, dê uma olhada em outro post que tem aqui no blog sobre curso em Paris, que suas dúvidas estão respondidas lá,ok?!

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here