Seguindo os passos de Mozart em Viena

Nada mais natural para os turistas que gostam de música clássica do que procurar seguir os passos de Mozart em Viena. Afinal, Wolfgang Amadeus Mozart, nascido na cidade austríaca de Salsburgo em 1756, foi um dos grandes gênios da música clássica mundial.

O artista foi uma criança prodígio e, apesar de nascido fora da capital da Áustria, foi em Viena que Mozart passou grande parte de sua vida e carreira artística, tendo marcado de forma profunda a cidade.

De família de músicos, o pequeno Mozart seguiu a tradição e começou os estudos por volta dos 4 anos, quando o pai começou a investir no talento da criança ao vê-lo brincar com um dos instrumentos da casa.

Logo no seu primeiro “concerto”, aos seis anos de idade, a plateia já contava com a alta sociedade vienense e a família real austríaca. E sua primeira apresentação foi na Sala dos Espelhos do Palácio de Schönbrunn, também conhecido como Palácio da Sissi, que a gente já falou por aqui:

No final da adolescência, Mozart foi contratado oficialmente como músico da corte em sua cidade natal, mas mudou-se para Viena aos 25 anos e na capital continuou sua brilhante carreira musical, que conta com inúmeras composições. Sua obra mais conhecida é “A Flauta Mágica”, encenada até hoje em toda a Áustria e pelo mundo afora.

EMBARQUE JÁ COM INTERNET NO SEU CELULAR

Que tal já chegar no seu destino já conectado? O chip da EasySim4U tem planos de dados ilimitados que funcionam em 140 países e ainda planos que incluem telefone, no caso de viagem para o EUA. Bom, né?! Use o cupom TURISTAPROFISSIONAL quando for fechar o pagamento e receba o seu chip em casa com frete grátisCompre aqui


Além de seu talento musical inigualável, sua vida foi marcada por vários problemas financeiros e de saúde, que o levaram a uma morte prematura, com apenas 35 anos de idade, deixando a esposa, dois filhos e uma marca na história da música clássica.

Somente quatro ou cinco pessoas foram ao seu enterro – nem a esposa compareceu! – e não teve nem uma identificação nem lápide em sua cova. Hoje, ele conta com uma estátua em sua homenagem, além de um mausoléu-homenagem no Cemitério Central, ao lado de nomes igualmente famosos, como o Beethoven.

Homenagem a Mozart - túmulo

Aliás, nós também já mostramos aqui os locais onde se pode ver um pouco deste outro grande compositor em Viena:

Agora, então, confira os locais relacionados à Mozart em Viena!

Seguindo os passos de Mozart em Viena

Casa da Ordem dos Cavaleiros Teutônicos

Ordem vinculada à Igreja Católica desde o período das Cruzadas, a Casa da Ordem dos Cavaleiros Teutônicos teve em sua história a passagem do músico Mozart. Foi em um dos quartos da grande casa que o compositor viveu durante o ano de 1781, oferecendo concertos na chamada Sala Terrena.

Casa de Mozart (Mozarthaus Vienna)

Dentre os vários lugares que serviram de residência de Mozart em Viena, a Mozarthaus é praticamente a única que está de pé, e hoje funciona como museu. A casa tem construção datada do século XVII e passou por uma reforma em 2004, com a construção de novas galerias que exibem detalhes da vida e das obras do compositor.

Neste local, o músico viveu o seu período mais produtivo em composições, entre os anos de 1784 e 1787. Como dissemos, infelizmente não há muitos objetos originais (não vá esperando ver muita coisa), mas há coisas interessantes, muitos detalhes de sua história e algumas peças, como violinos, documentos e sua máscara mortuária.

Casa de Mozart em Viena

Mozart em Viena

Catedral de Santo Estêvão

Mozart casou-se com sua esposa Constanze nesta catedral, em 4 de agosto de 1782, e batizou seus dois filhos. A Catedral Santo Estêvão, símbolo da capital austríaca, foi também o lugar onde, após a morte do compositor, em 1791, seu corpo foi velado, acredite se quiser, por apenas 6 pessoas. Destaque também para a arquitetura da igreja, com telhado feito de azulejos!

o que fazer em VienaFoto Shutterstock

Casa da Música

O local é como se fosse uma galeria de experiências sensoriais relacionadas à música. São três andares de atividades interativas e há uma sala dedicada inteiramente à Mozart, com objetos em exibição e a possibilidade de simular a condução de uma orquestra!

Michael’s Church (Michaelerkirche)

A igreja de Saint Michael é conhecida por conta das catacumbas em seu interior, que abrigam nomes importantes da história da cidade, como Pietro Metastasio, autor de alguns livretos (textos feitos para óperas) de Mozart. O interessante das catacumbas é que os corpos não se decompõem, devido aos elementos químicos encontrados ali, que mantém a conservação dos corpos.

A ligação da igreja com o compositor é bastante significativa, pois foi neste local que ocorreu um evento musical, no ano de 1791, em homenagem ao músico que havia já falecido. Na ocasião ocorreu a primeira apresentação de uma das maiores obras do artista, a composição inacabada “Requiem”. Envolta de mistérios e lendas, a canção foi a última de Mozart, que não teve tempo de finalizá-la antes de partir.

SEGURO VIAGEM COM ATÉ 10% DE DESCONTO

Não esqueça de fazer um bom Seguro Viagem, afinal, você não vai querer ficar desprotegido longe de casa, né?! Clique aqui para encontrar os melhores preços, pague em até 12 vezes no cartão ou com 5% de desconto no boleto. Use o cupom TURISTAPRO5 e ganhe mais 5%


Theater an der Wien

O Teatro de Viena foi inaugurado em 1801 pelo também artista e grande amigo de Mozart, Emanuel Schikaneder, que foi, inclusive, o autor do texto da obra A Flauta Mágica. O desejo de construir o teatro partiu justamente do fato de as apresentações da famosa peça não se adequarem mais ao antigo teatro da cidade, pequeno para a grandiosidade dos figurinos e encenações de A Flauta Mágica. O teatro atualmente realiza apresentações sazonais de balé, ópera e teatro.

Palácio de Schönbrunn

O Palácio de Schönbrunn é um complexo de edifícios importantes relacionados à família Habsburgo, que governou a região por séculos. Como já falamos, foi neste local que Mozart, aos seis anos de idade, realizou sua primeira apresentação de música para a elite e família real austríaca. Dizem que a imperatriz Maria Theresa ficou encantada com o pequeno compositor e até o pegou no colo após o concerto incrível da criança.

roteiro 2 dias em VienaFoto Shutterstock

Marionette Theater

O Teatro de Marionetes é um dos lugares onde se pode apreciar a encenação de uma das obras primas de Mozart em Viena, “A Flauta Mágica”. O teatro fica dentro do complexo do Palácio de Schönbrunn, que já sabemos ter sido o local da apresentação prodígio do músico, e tem outras peças também em cartaz.

Aproveite para apreciar a grande obra do compositor e ainda se admirar a qualidade e tradição das marionetes em cena!

Memorial de Mozart no Burggarten

O Parque Burggarten é um dos belíssimos parques de Viena e encontra-se ao lado do Palácio de Hofburg, portanto a visita acaba entrando no roteiro de quem está à passeio pela capital austríaca.

Dentro do parque, uma estátua em memória à Mozart chama atenção, principalmente por conta do jardim ao redor, com plantas dispostas de maneira a formar um símbolo musical, a Clave de Sol. O memorial foi construído em 1896.

  • Endereço: Burggarten, 1010 Wien

Mozart em Viena

Cemitério de São Marx

Wolfgang Amadeus Mozart foi enterrado neste cemitério. Porém, ninguém sabe a localização exata do túmulo do compositor. No lugar onde se supõe que seja o local, existe uma estátua em homenagem ao músico.

  • Endereço: Leberstraße 6-8 , 1030 Wien

túmulo de Mozart em VienaFoto oficial do wien.info

E ainda que não tenha uma relação direta com o compositor, vale a pena passar para tomar algo no Café Mozart, ali por trás da Ópera de Viena, pois ele é bem charmoso e está em funcionamento desde 1794.

Café Mozart Viena

Com estas dicas você poderá conhecer vários lugares relacionados à vida de Mozart em Viena e, entre um e outro, ainda passará por várias atrações da cidade. 😉

Boa viagem!

Continue sua viagem para Viena aqui:

-----------------------------------------------------------------------------------------------------

Se você estiver de viagem marcada, não esqueça jamais de seu Seguro Viagem. Lembre-se que é o seguro viagem para a Europa é obrigatório. Mas, mesmo para os países que não são obrigatórios, como os EUA, nós recomendamos fortemente que você faça, já que o sistema de saúde lá é caríssimo. Então, não embarque sem um ótimo seguro viagem para os Estados Unidos. É aquilo: um seguro é algo que compramos pensando em NÃO usar, né? Mas, se precisar, ele vai te amparar. Nós já utilizamos algumas vezes (em extravio de bagagem e para consultas médicas) e podemos afirmar: é essencial! Faça uma cotação aqui e encontre o seguro viagem mais barato e com o melhor custo x benefício pra você. O link é de uma empresa parceira do blog. Nós recebemos uma porcentagem, mas você não paga nada a mais por isso. Aliás, você paga a menos: leitores do blog têm 5% de desconto! Basta inserir este código promocional na hora de fechar o pagamento: TURISTAPRO5.

Pesquisando hotel?! Então, dê uma olhada no Booking.com! Você não paga nada pela reserva, cancela e altera quando quiser e ainda consegue os melhores preços.

Booking.com

PLANEJE SUA VIAGEM CONOSCO:                                                                               x

reserve seu hotel Seguro viagem chios de internetingressos e passeios guias de viagempassagens aéreas mais baratas Guia de viagem turista profissional

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here