Onde ficar em Amsterdam

Se você está procurando indicações de onde ficar em Amsterdam, chegou no lugar certo!

Neste guia, reunimos as melhores sugestões e dicas mais quentes de bairros, hotéis e albergues (que já nos hospedamos ou que são bem avaliados) para se hospedar e ter a melhor experiência possível neste lugar tão lindo e especial.

Conforme já mostramos por aqui em o que fazer em Amsterdam, a maior parte das atrações fica na região central de Amsterdam. É a melhor região para ficar? Sim. É a região mais cara para se hospedar? Sim também.

A notícia boa é que, por ser uma cidade que possui um extenso sistema de bondes que atravessa a cidade inteira, é possível se acomodar em outras regiões mais acessíveis financeiramente e, ainda assim, ter fácil acesso aos pontos turísticos.

De fato, Amsterdam não é o lugar mais barato para visitar na Europa. Mesmo assim, é uma cidade democrática e é possível encontrar opções de hospedagem baratas em Amsterdam, espalhadas por sua extensão, assim como hotéis mais confortáveis, além de uma e grande oferta de instalações luxuosas, atendendo a diversos tipos de viajantes.

Quer descobrir onde ficar em Amsterdam do jeitinho que caiba no seu bolso?

Então, fica aqui até o final! Vamos começar?

Dica => Seguro Viagem Europa Barato (os mais reservados)

Dicas de onde ficar em Amsterdam: melhores bairros e regiões

As melhores regiões para se hospedar em Amsterdam são:

viagem para Amsterdam - Onde ficar em Amsterdam

Onde se hospedar em Amsterdam: Jordaan

Quando pensamos ou falamos em Amsterdam, logo imaginamos aqueles longos canais rodeados por prédios históricos, certo? O bairro Jordaan (pronuncia-se ‘iôrdaan’) é um dos mais badalados justamente por apresentar esta estética clichê e com mais estereótipos quando falamos em Amsterdam.

Jordaan é um bairro que foi tombado como Patrimônio Histórico da Humanidade pela UNESCO, por ser uma área histórica com muitos prédios típicos que se espalham entre os três principais canais de Amsterdam e outros menores.

Quem conhece Jordaan hoje, nem imagina que este já foi um bairro do proletariado durante séculos, tendo servido de moradia para os trabalhadores que participaram da construção dos canais da cidade.

Com ares totalmente novos, atualmente Jordaan abriga muitos artistas e estudantes nesta parte da cidade.

O famoso pintor Rembrandt e a garota Anne Frank foram alguns dos moradores ilustres do bairro de Jordaan. Inclusive, o antigo esconderijo da família Frank permanece por lá e virou um museu que atrai turistas do mundo inteiro que apreciam sentir a emoção de visitar um local histórico.

Jordaan oferece uma boa oferta de hotéis 3 e 4 estrelas, sendo um excelente lugar para se hospedar muito bem e sem erros, já que é bem localizado, bonito e agradável, porém não tão agitado.

dicas de Amsterdam - Onde ficar em Amsterdam

Sugestões de hotéis em Amsterdam no bairro Jordaan

Veja todas as opções de hotel no Jordaan em Amsterdam

Centro de Amsterdam

O centro de Amsterdam é a parte mais antiga da cidade. Nele você encontra a Estação Central (Amsterdam Centraal Station), que oferece uma excelente infraestrutura de transportes e que te possibilita ir para todos os cantos da cidade (e até mesmo para outras cidades da Holanda).

Aqui, convergem as principais linhas de bonde, metrô, ônibus, balsas e trens, os quais possuem, além das linhas regionais, trens para outras cidades da Holanda e outros países. Por isso, também é um ótimo local para se hospedar.

Além disso, é possível se deslocar a pé pelo Centro de Amsterdam e visitar as diversas atrações que ficam nas redondezas, como o Nieuwe Kerk (a Igreja Nova), o Palácio Real Koninklijk Paleis (precisa de ticket antecipado) e o museu de cera Madame Tussauds (também é necessário o ticket antecipado), todos localizados na praça Dam.

praca dam em amsterdam - Onde ficar em Amsterdam
Nossa Turistinha abraçando uma caveira em plena Praça Dam 🙂 🙂

Para quem gosta de ir às compras, atrás do Palácio Real fica o shopping Magna Plaza. Outro lugar bom para fazer umas comprinhas é a estreita rua Nieuwendijk, que é repleta de lojas (incluindo a Primark) e faz a ligação entre a Estação Central e a praça Dam.

Durante o dia, essa é a área mais movimentada de Amsterdam. À noite, o entorno da Praça Dam é movimentado, mas os arredores da Estação Central tendem a ser mais desertos, dando até uma relativamente falsa sensação de insegurança.

O centro de Amsterdam é uma área que divide opiniões sobre ser bom ou ruim para ficar, mas não tem como bater o martelo com uma definição, já que aqui existem várias sub-regiões com características diferentes, sendo algumas interessantes e outras uma furada completa. Mas tudo vai depender da localização que você escolher para se hospedar e quais os seus objetivos de viagem.

Na minha opinião, qualquer lugar dentro do Red Light District é uma furada, por exemplo, já que a região fica sempre cheia e super barulhenta, principalmente na parte da noite. Porém, as ofertas aqui são bem mais baratas e pode ser uma boa para quem quer economizar e não liga para gritaria ou conforto.

Para driblar a muvuca excessiva e o caos urbano, evite a rua dos dois maiores canais: Oudezijds Voorburgwal e Oudezijds Achterburgwal, especialmente na parte mais próxima da Estação Central.

Sugestões de hotéis no Centro de Amsterdam

Veja todas as opções de hotel no centro de Amsterdam

SEGURO VIAGEM COM ATÉ 20% DE DESCONTO

Não esqueça de fazer um bom Seguro Viagem, afinal, você não vai querer ficar desprotegido longe de casa, né?! Clique aqui para encontrar os melhores preços garantidos, pague no boleto, pix ou em até 12 vezes no cartão. Aproveite e ganhe até 20% de desconto, é só clicar no botão abaixo.

COTAÇÃO DE SEGURO AQUI! >>>


Grachtengordel (Cinturão de Canais)

Grachtengordel é um dos melhores lugares para ficar em Amsterdam.

Formado pelo cinturão de quatro canais que ficam entre o Centro Histórico e outras áreas turísticas da cidade, como o bairro Joordan, a Museumplein e o Vondelpark, Grachtengordel fica bem no meio das principais atrações de Amsterdam.

É possível fazer tudo a pé e você encontra muitas lojas, bares, fast-foods e restaurantes, de vários tipos e para todos os bolsos.

Mas um dos maiores atrativos de Amsterdam, sem dúvidas, é a vida boêmia. E em Grachtengordel estão duas das regiões mais boêmias da cidade: Rembrandtplein e Leidseplein. É aqui que você encontra muitos pubs, bares e restaurantes, além do mercado flutuante de flores Bloemenmarkt.

Economia => Seguro Viagem Holanda

o que fazer em Amsterdam 1 - Onde ficar em Amsterdam

Nessa região também é onde se encontram as melhores localizações para hospedagem, com diversas ofertas de hotéis e hostels.

Sugestões de hotéis em Amsterdam em Grachtengordel

Onde ficar em Amsterdam: Leidseplein

Se você é fã da vida noturna e do agito, o bairro Leidseplein é o lugar ideal para ficar e badalar em Amsterdam. Por aqui o que não faltam são opções como bares, boates, cinemas, teatros, além dos famosos coffeeshops, estabelecimentos famosos na Holanda por venderem não somente ‘café’, mas também a famosa maconha.

Se você se identificou com as atrações e provavelmente passará a maioria das suas noites nessa região, por que não se hospedar aqui logo?

Mas nem só de vida noturna vive Leidseplein. Se, além das baladas, você gosta de passeios diurnos, saiba que alguns dos pontos turísticos mais importantes de Amsterdam estão pertinho dessa região, como a Praça dos Museus e o Vondelpark.

Outra opção de programação durante o dia é curtir algum dos diversos artistas que enchem as ruas com apresentações de música, dança e até mesmo acrobacias.

A locomoção e o transporte também não são problema em Leidseplein: existe uma grande oferta de bondes, trens e ônibus para outras regiões de Amsterdam.

Além disso, nos arredores da Leidseplein você pode usar o ônibus Amsterdam Airport Express (linha 397, antiga 197) para ir e vir do Aeroporto. 

Sugestões de hotéis em Amsterdam na Leidseplein

Museumplein/Vondelpark

Depois do centro, essa é a região de Amsterdam com maior concentração de pontos turísticos.

Em uma curta distância, é possível visitar alguns dos museus mais importantes da Holanda (e do mundo!), como o Stedelijk, o Van Gogh Museum e o Rijksmuseum. Não à toa, a região é conhecida como Museumplein, ou Praça dos Museus.

Aqui também é onde fica o famoso Vondelpark, o principal parque de Amsterdam e um dos núcleos da Festa do Rei que acontece na cidade.

Sugestões de hospedagem em Amsterdam no Museumplein/Vondelpark

Onde ficar em Amsterdam: De Pijp

De Pijp é uma região residencial que fica ao redor do quase impronunciável parque Sarphatipark. É uma região menos turística e mais tradicional, sendo até comum encontrar pessoas falando holandês por lá.

Também possui bares animados e uma atmosfera jovem, além de bons supermercados, o que torna a área atrativa para se hospedar em alternativa ao centro.

Como um bom bairro tradicional de Amsterdam, De Pijp é um bairro muito boêmio, com uma gama de cervejarias locais e onde fica localizada a tão famosa Heineken Experience.

Um local charmoso, com a vida noturna atrativa e agitada, diversas opções de cafés, restaurantes e barzinhos: não tem erro caso você curta a vida boêmia e tudo o que ela tem de melhor para oferecer.

É uma boa região para se hospedar, curtir a agitação típica de Amsterdam e conhecer locais que aproveitam as atrações do bairro. A infraestrutura de supermercados e restaurantes é muito boa. Já as opções de transporte não são as mais completas da cidade.

 Sugestões de hotéis em Amsterdam no De Pijp

Onde se hospedar em Amsterdam barato: Zuid

Para quem vai viajar para Amsterdam a negócios, nossa dica é o bairro Zuid, que é o centro financeiro da cidade, onde se encontram inúmeros bancos, empresas importantes como a ING Bank, a Akzo Nobel e até a Bolsa de Valores de Amsterdam.

O ideal é se hospedar nos arredores das estações de trem e metrô Amsterdam-Zuid ou do RAI (Centro de Convenções e Exposições).

A partir desses locais, você terá fácil acesso a diversas linhas de trem, metrô e bonde, que facilitarão o seu deslocamento a trabalho, até os pontos turísticos da região central de Amsterdam ou para o aeroporto.

Sugestões de onde ficar em Zuid

Como se hospedar em um barco em Amsterdam

Amsterdam não cansa de surpreender! Pensa comigo: os canais são os maiores cartões-postais da cidade, certo? A única coisa que pode ser melhor do que se hospedar perto de um canal é ficar dentro dele. Mas isso é possível? Sim, se hospedando em uma casa-barco!

Diferente do que parece, essa não é uma opção meramente turística. As casas-barco são tradicionais em Amsterdam desde o século XVII e são um estilo de vida local. Atualmente, existem 2.500 houseboats na cidade, uma mais charmosa que a outra.

Financeiramente falando, certamente não é a opção mais em conta. Mas a experiência de se hospedar em uma houseboat vale cada centavo a mais. Se você puder investir, pode ter certeza que será inesquecível!

canais de Amsterdam - Onde ficar em Amsterdam

Sugestões de Casas-barco para ficar em Amsterdam

EMBARQUE JÁ COM INTERNET NO SEU CELULAR + 10% DE DESCONTO

Que tal já chegar ao seu destino já conectado? O chip da American Chip tem planos de dados ilimitados, que funcionam em mais de 200 países. Bom, né?!

COMPRE SEU CHIP AQUI!


Onde ficar perto do Aeroporto de Amsterdam – Schiphol

O Aeroporto de Amsterdam, o Schiphol, fica nos arredores da cidade, a uma distância de mais ou menos vinte minutos de trem do Centro Histórico.

A hospedagem é recomendada apenas se você precisar pernoitar próximo ao aeroporto.

Sugestões de hotéis perto do Aeroporto de Amsterdam:

schiphol aeroporto de amsterdam - Onde ficar em Amsterdam

E qual é o melhor lugar para ficar em Amsterdam?

Na minha opinião, é o bairro Grachtengordel (Cinturão de Canais).

Além dos quatro canais serem os mais bonitos, charmosos e fotogênicos da cidade, a localização geográfica é excepcional, permitindo que você conheça a pé as principais atrações de Amsterdam.

Leia também:

Quais são as regiões mais baratas para ficar em Amsterdam?

Amsterdam é uma cidade cara para se hospedar. Os hotéis localizados na região central da cidade que oferecem uma boa estrutura (como elevador), sejam confortáveis e bem avaliados são muito caros.

É possível encontrar diversos hotéis mais simples e econômicos na região central de Amsterdam, mas eles geralmente ficam em edifícios extremamente antigos e estreitos, com quatro ou cinco andares, ambientes internos apertados e difícil acesso aos andares superiores, especialmente com malas grandes.

Nos bairros mais afastados, como Oost, Zuid, Zuidoost e West, você consegue se hospedar em hotéis grandes, modernos, bem equipados e de perfis executivos pelo valor equivalente aos hotéis econômicos da região central da cidade. Claramente, caso se hospede em bairros mais distantes, há de se considerar os custos com transporte público.

Mas o deslocamento não será um problema, graças à excelente rede de transporte público existente em Amsterdam, que possibilita estar no centro da cidade em poucos minutos.

Para que não haja preocupações, a melhor opção é investir nos passes diários com trajetos ilimitados de trens, bondes, metrôs, ônibus e balsas dentro de Amsterdam.

Qual o valor de uma diária em Amsterdam?

Isso vai depender muito do bairro, claro, mas em média, o preço de uma diária em Amsterdam foca por volta dos € 200 (quarto duplo).

Confira abaixo os valores de acordo com as categorias:

  • Hotéis baratos em Amsterdam: a partir de € 100
  • Hotéis com bom custo-benefício: a partir de € 200
  • Hotéis de luxo em Amsterdam: a partir de € 500

Bom, acho que com todas estas dicas já dá para escolher melhor onde ficar em Amsterdam, né?

Boa viagem!

Texto Carolina Peixoto

Seguro Viagem Holanda com até 20% de desconto

Pesquisando viagem para a Holanda?! Então, saiba que é obrigatório fazer seguro viagem para lá, mas o bom é que nossos leitores tem desconto especial comprando através do nosso link. Confira!

FAÇA SUA COTAÇÃO AQUI

 

E na hora de começar a organizar a sua viagem, não deixe de ler todas as nossas outras dicas de Amsterdam e da Holanda e nem de verificar os ingressos e passeios que poderá comprar com desconto antes de embarcar para lá.

Boa viagem!
 

 

Dúvidas sobre onde ficar em Amsterdam

Qual o bairro com melhor custo-benefício para ficar em Amsterdam?

Não há UM melhor, mas talvez a Leidseplein e o Centro de Amsterdam.

É caro se hospedar em Amsterdam?

Infelizmente sim! Por isso aqui no post demos tantas dicas, para que você possa escolher a melhor opção para o seu perfil e seu orçamento.

Deixe um comentário