Por: Ana Catarina Portugal - Atualizado em 31/03/2020

Nem só das Cataratas do Iguaçu vive Foz do Iguaçu, ainda que elas sejam o seu atrativo turístico número UM (e merecidamente).

Ao visitar Foz descobri outros aspectos peculiares antes desconhecidos por mim, como o fato da cidade ser bastante multicultural. E não apenas porque se encontra numa região de tríplice fronteira (Brasil – Argentina – Paraguai), mas porque tem entre seus habitantes pessoas de cerca de 72 etnias, todas convivendo muito bem.

E no meio de tanta diversidade, destaco dois lugares que valem à pena visitar: o templo budista de Foz do Iguaçu e a Mesquita.

=> Economia: Seguro Viagem Nacional (com desconto)

Templo Budista de Foz do Iguaçu

DSC 0860 - Um templo budista e uma mesquita: conhecendo uma Foz do Iguaçu multicultural

Este é o segundo maior templo budista do Brasil, perdendo apenas para o de Cotia em São Paulo.

Se você está precisando relaxar, este é o lugar.

Ele fica numa região, digamos assim, mais rural da cidade; mas nada muito afastado ou fora de mão. O ideal é ir de carro, mas se não estiver dirigindo, existem vários tours que levam até lá ou ainda poderá contratar um táxi para te levar.

Utilize a RentCars e ache o melhor preço de aluguel de carro comparando em mais de 100 locadoras de uma só vez. Pague em real, parcelado em até 12x e com atendimento em português.

CLIQUE AQUI E CONFIRA.


No entorno do templo há um grande jardim com dezenas de estátuas e no centro a construção principal que abriga o templo propriamente dito.

☛ Leia mais: O que fazer em Foz do Iguaçu

DSC 0278 - Um templo budista e uma mesquita: conhecendo uma Foz do Iguaçu multicultural

No primeiro andar do templo – a Sala dos Guardiões – existem outras estátuas enormes, mas infelizmente é proibido fotografar no seu interior, e o segundo andar, destinado aos cultos, não está aberto a visitações.

O templo fica na Rua Dr. Josivalter Vila Nova, 99 – Jardim Califórnia – Foz do Iguaçu – PR.

A visitação é gratuita e os horários e dias são de terça a sábado (9-17h) e domingos (10-15h).

+++ Confira ingressos e passeios em Foz do Iguaçu antecipadamente +++

DSC 02611 - Um templo budista e uma mesquita: conhecendo uma Foz do Iguaçu multicultural

DSC 02661 - Um templo budista e uma mesquita: conhecendo uma Foz do Iguaçu multiculturalMesquita de Foz do Iguaçu

A Mesquita Omar Ibn Al-Khattab é cuidada e mantida pela própria comunidade muçulmana da cidade

DSC 02221 - Um templo budista e uma mesquita: conhecendo uma Foz do Iguaçu multicultural

Já tive a oportunidade de visitar outras mesquitas em países muçulmanos, no entanto, para poder entrar em qualquer uma delas nunca me foi exigido o uso do véu, apenas que me descalçasse ou, no máximo, jogar um lenço sob a cabeça.

Um fato curioso (e digamos até que engraçado) é que para visitar esta mesquita em Foz as mulheres são obrigadas a se cobrir com um véu, que as próprias pessoas que cuidam do local emprestam.

E quanto as vestimentas, homem não pode entrar com bermudas acima do joelho e mulheres devem estar de calça ou saia comprida.

DSC 0778 - Um templo budista e uma mesquita: conhecendo uma Foz do Iguaçu multicultural

Aqui, você terá não só a oportunidade de ver o lugar, como também se quiser, aprender um pouco mais sobre o islã, que é ainda muito desconhecido para a maioria de nós.

Foi uma visita muito interessante e de muito aprendizado.

A mesquita fica na Rua Meca, 599 – Jardim Central – Foz do Iguaçu – PR.

A visitação também é gratuita e os dias e horários são de segunda a sexta (9-18hs).

DSC 0227 - Um templo budista e uma mesquita: conhecendo uma Foz do Iguaçu multicultural

Pesquise opções de hospedagem em Foz do Iguaçu aqui

Gostou? É bem diferente do que normalmente imaginamos que vamos visitar em Foz do Iguaçu, né?!

Agora, dê uma olhadinha em todas as dicas sobre Foz do Iguaçu já publicadas aqui no blog.

Boa viagem!

Continue sua viagem por Foz do Iguaçu:

-----------------------------------------------------------------------------------------

Se você estiver de viagem marcada, não esqueça jamais de seu Seguro Viagem. Lembre-se que é o seguro viagem para a Europa é obrigatório. Mas, mesmo para os países que não são obrigatórios, como os EUA, nós recomendamos fortemente que você faça, já que o sistema de saúde lá é caríssimo. Então, não embarque sem um ótimo seguro viagem para os Estados Unidos. É aquilo: um seguro é algo que compramos pensando em NÃO usar, né? Mas, se precisar, ele vai te amparar. Nós já utilizamos algumas vezes (em extravio de bagagem e para consultas médicas) e podemos afirmar: é essencial! Faça uma cotação aqui e encontre o seguro viagem mais barato e com o melhor custo x benefício pra você. O link é de uma empresa parceira do blog. Nós recebemos uma porcentagem, mas você não paga nada a mais por isso. Aliás, você paga a menos: leitor do blog tem 5% de desconto. Basta inserir este código promocional na hora de fechar o pagamento: TURISTAPRO5.

Pesquisando hotel?! Então, dê uma olhada no Booking.com! Você não paga nada pela reserva, cancela e altera quando quiser e ainda consegue os melhores preços.

Autor
Ana Catarina Portugal
Ana Catarina Portugal é a criadora e editora-chefe do blog Turista Profissional, relatando as dicas e experiências que teve nos mais de 40 países por onde já passou. Também escreve sobre viagens para revistas especializadas, é professora de artes, filósofa formada e mestre em História da Arte.
8 Comentários
  1. Olá Ana!
    Acompanho os seus posts e adoro a forma como você escreve!
    Vou a Foz no mês que vem em férias e desejo saber se existe transporte público para visitar esses lugares ou só se chega lá contratando empresas receptivas?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *